Imprimir Artigo

Imprimir

7 ações para fazer em seu negócio e ser sustentável

Por: Afonso Bazolli
Em: Gestão
Fonte: Administradores.com

7-acoes-para-fazer-em-seu-negocio-e-ser-sustentavel-televendas-cobranca

Para ajudar os donos do próprio negócio a se prepararem listei a seguir o que os empreendedores devem fazer agora para colher frutos no futuro. Confira:

Por: Renata Pifer

Se você vem acompanhando nossos artigos já deve estar pensando em ações e estratégias para se tornar uma “empresa verde”. E também já percebeu que o termo empresa verde surge como uma tendência de modelo de negócios no mercado mundial. Apesar de ainda ser um desafio, principalmente para os pequenos e médios negócios, a possibilidade de obter maior retorno financeiro e uma melhor recepção por parte do público faz com que você repense seus planos e comece a fazer planos de negócios sustentáveis.

Para ajudar os donos do próprio negócio a se prepararem listei a seguir o que os empreendedores devem fazer agora para colher frutos no futuro. Confira:

1. Revise seu plano de negócios

Se você já é um empreendedor, provavelmente já possui um plano detalhado da sua empresa.

Mas também é provável que em todo o seu planejamento não exista ainda nenhuma informação para te guiar em suas próximas decisões focando a sustentabilidade e lhe ajudar a se tornar uma “empresa verde”. Mesmo que você não esteja pensando em tomar ações imediatas, lembre-se que a maioria desses planos são elaborados para um prazo de três até cinco anos ou mais, portanto, não custa nada garantir que o foco futuro do seu negócio esteja de acordo com as boas práticas ambientais.

2. Foque no Triple Bottom Line

Um dos erros mais frequentes que empreendedores cometem é colocar dinheiro na empresa somente para ela crescer. Na realidade, é importante focar em estratégias que deixem o negócio mais rentável. E investir em sustentabilidade é uma destas estratégias.

O conceito aqui é simples: implica que as empresas não apenas gerenciem seus indicadores financeiros e econômicos tradicionais, mas também incluam fatores sociais e ambientais em seus negócios. Tais fatores podem influenciar o valor global de uma empresa ou o valor individual de cada ação.

3. Estabeleça metas de economia de recursos

Estabeler metas é primordial em qualquer planejamento. Seu objetivo deve ser claro e suas metas mensuráveis, atingíveis e realísticas. Pense, inicialmente, em diminuir os gastos com insumos e matérias-primas, como água, energia.

Pequenas ações como melhorar o gerenciamento do inventário pode trazer resultados significativos. Evita manter muitos itens em estoque que pode expirar ou tornar-se inútil e acabar no “dumpster diving”.

4. Acompanhe as mudanças regulatórias e esteja conforme

Talvez não haja grandes mudanças de um ano para o outro, mas é importante estar de olho em novas leis federais, estaduais ou da sua cidade. Fique atento, já disse anteriormente “Reagir ao cumprimento ou oportunidades de sustentabilidade em vez de planejar aumenta os custos para sua organização, e dessa forma a preservação ambiental se torna vilã. Além disso, agindo reativamente e não proativamente você pode estar exposto à multas e perda de acesso ao mercado.” Antecipe-se a elas.

5. Fique atento às exigências dos “stakeholders”

Existe uma tendência mundial: “As expectativas de conformidade ambiental e social dos consumidores e “stakeholders” aumentam juntamente com a renda per capita.”

Antigamente bastava fabricar ou comercializar produtos que funcionassem bem, tivessem um nome de marca familiar e fossem acessíveis. As regras hoje mudaram. Atender às necessidades e expectativas dos consumidores é uma tarefa desafiadora. As empresas não só têm que sustentar seus negócios com qualidade, desempenho, preço e conveniência, mas gerenciar com baixos impactos ambientais e sociais.

6. Avalie seu portfólio de produtos

É sempre importante revisar a oferta de produtos e serviços oferecidos pela sua empresa. Passar o olho por cada item do seu portfólio é uma ótima chance de se livrar daqueles que não são mais rentáveis e adaptar seu negócio às novas necessidades e tendências do mercado.

Diferenciais de sustentabilidade surtem efeito no aumento de vendas e, automaticamente, na produtividade para o atendimento desta demanda. Produtos comprovadamente mais sustentáveis também vem sendo critério de escolha por programas de aquisição do governo federal.

7. Desafie o status quo

E a última, mas talvez a mais importante ação, seja esta.

Não deixe seu negócio cair na comodidade e na monotonia. Não estar aberto a mudanças na empresa é um dos caminhos mais rápidos para seu fim. Comece a pensar em como aumentar as margens de lucro e como alavancar seus produtos ou serviços para torná-los mais rentáveis e segmentar da melhor forma os seus clientes e ainda por cima ajudar a transformar o mundo no mundo em que você deseja viver.

CADASTRE-SE no Blog Televendas & Cobrança e receba semanalmente por e-mail nosso Newsletter com os principais artigos, vagas, notícias do mercado, além de concorrer a prêmios mensais.

Este artigo está disponível no endereço:

https://www.televendasecobranca.com.br/gestao/7-acoes-para-fazer-em-seu-negocio-e-ser-sustentavel-82687/
Cadastre-se agora e receba em seu e-mail:
  • Notícias e novidades do segmento de contact center;
  • Vagas em aberto das principais empresas de Atendimento ao Cliente;
  • Artigos exclusivos sobre Televendas & Cobrança assinados pelos principais executivos do mercado;
  • Promoções, Sorteios e muito mais.
Preencha o campo abaixo e fique por dentro das novidades: